quarta-feira, 31 de outubro de 2012

GUERRA SANTA ECLODE NA WEB COM SALVE JORGE COMO DITO: "VIVA OGUM"

Há uma guerra silenciosa na Web. Em vez de armamentos belicosos, com mortos e feridos para todos os lados, está o tilintar dos dedos sobre os teclados em uma guerra santa de palavras e explicações de cada lado.

A grande questão reside na engenharia da sublimação, onde a mensagem oculta atinge o seu alvo sem que a vítima possa se dar conta; assunto sobre o qual já há tempos viemos alertando em um post de nosso blog:

http://luisdornelesdeoliveira.blogspot.com.br/2012/08/a-mensagem-subliminar-e-sublimacao-nos.html

O que está por trás dos ícones mensageiros é muito bem articulado nos mínimos detalhes, pois neles estão alicerçados o êxito do empreendimento. Nada no mundo da propaganda o é inocente ou é só por ser belo; mas, por estratégia de marketing no público alvo. Diríamos que as coisas vão muito além do jardim, da igreja e da esfera das transparências. Os segredos são trabalhados habilmente no subconsciente.

A engenharia da comunicação, da informação e da publicidade tem os seus métodos operacionais voltados para cada segmento o qual forem contratados. Dizer que isto é uma inverdade é apostar na ignorância do povo brasileiro.

MAS, vamos aos fatos aos quais cooptamos, e neste post os transcreveremos como foram concebidos, junto os quais o seu link de origem. 

"SALVE JORGE" OU ADORADORES DE OGUM?: NOVELA CAUSA GUERRA SANTA NA INTERNET
http://www.paraiba.com.br/2012/10/31/49683-salve-jorge-ou-adoradores-de-ogum-novela-causa-guerra-santa-na-internet


Se São Jorge, o santo guerreiro, tivesse perfil no Facebook, ele estaria pronto para a batalha instaurada nas redes sociais desde a estreia de “ Salve Jorge ”, nova novela das 21h da TV Globo. De um lado, os evangélicos criticam fervorosamente a temática da trama de Glória Perez - que faria homenagem ao orixá Ogum, correspondente a São Jorge na umbanda e no candomblé no sincretismo religioso. Do outro estão os devotos do santo homenageado, que rejeitam as observações contrárias ao folhetim.


O Pastor da igreja Assembleia de Deus, em Jundiaí (SP), José Donizeti divulgou em seu perfil no Facebook uma imagem onde aponta algumas mensagens supostamente subliminares que estariam contidas na logomarca da novela. 

Segundo o religioso, as duas pedrinhas vermelhas colocadas ao lado da palavra “salve” simbolizam a união dos orixás e a adoração a entidades espíritas.

O NOME DA NOVELA

“Na verdade, o nome desta novela é ‘Adoradores de Ogum’!”, alerta o pastor na imagem, que já contabiliza incríveis 52 mil compartilhamentos. “Aí vai o alerta para você. Depois, se sua vida começar a ser amaldiçoada por assistir este lixo, não reclama que Deus não te avisou!”, completa.


O QUE DIZ O PRESIDENTE DA FEDERAÇÃO BRASILEIRA DE UMBANDA

Manoel Alves de Souza, presidente da Federação Brasileira de Umbanda, classifica o movimento dos evangélicos de “uma sandice desses indivíduos”. Ele explica: “Não tem nada a ver. Na verdade, a umbanda não adora o orixá. Ela trabalha com os orixás e os respeita. Esse negócio de adoração está na cabeça deles. Trabalhamos com os orixás, com os elementos da natureza”. Ao falar sobre as pedrinhas mencionadas pelo pastor, assevera: “Nunca reparei nessas pedrinhas, vou procurar para ver se descubro. Isso é crendice, especulação”, diz. “A novela é uma homenagem merecida. Ogum é um orixá muito importante para a umbanda e o candomblé. É o orixá que vence demandas. É um guerreiro, forte, que combate o mal”.

Tire você mesmo às suas conclusões


terça-feira, 30 de outubro de 2012

A CORPOLATRIA


Nunca se falou e se preocupou tanto com o corpo como nos dias atuais. É comum ouvirmos anúncios de uma nova academia de ginástica, de uma nova forma de dieta, de uma nova técnica de autoconhecimento e outras práticas de saúde alternativa, em síntese, vivemos nos últimos anos a redescoberta do prazer, voltando nossas atenções ao nosso próprio corpo. Essa valorização do prazer individualizante se estrutura em UM VERDADEIRO CULTO AO CORPO, EM ANALOGIA A UMA RELIGIÃO, assistimos hoje ao surgimento de novo universo: a corpolatria.  

CODO, W.; SENNE, W. O que é corpo(latria). Coleção
Primeiros Passos. Brasiliense, 1985 (adaptado).


AS DOENÇAS DA VAIDADE


A sociedade tem assistido ao surgimento de uma série de distúrbios ligados à imagem do corpo - a anorexia e a bulimia são os dois mais conhecidos exemplos desse problema. O que médicos e pesquisadores vêm apontando agora é o crescimento da vigorexia, distúrbio que tem como principal sintoma a valorização excessiva do corpo e uma busca incessante por um corpo magro e musculoso. Embora esse  tipo de distúrbio seja mais comum entre os homens, as mulheres também fazem parte do time e cada vez mais lotam as academias de ginástica, lugar preferido dos vigoréxicos. Aliás, um dos principais sintomas do problema é a presença constante em academias, por horas a fio.


A vigorexia  pode causar um forte desgaste orgânico e mental, provocando insônia, desinteresse sexual, fraqueza, cansaço, além de problemas ósseos e nas articulações. Outro problema que se segue com a vigorexia é o uso de anabolizantes e esteroides, que facilitam a obtenção de resultados imediatos, mas podem causar danos irreparáveis à saúde, com maior risco de doenças cardiovasculares, disfunções sexuais e câncer na próstata.

Jornal Geral
Revista Planeta, Maio 2007
www.revistaplaneta.com.br


Como vemos nestas  matérias que tudo tem o seu preço determinado, e que a cultura do corpo (corpolatria), adoração ao corpo; "PRESTAR CULTO AO CORPO", também irá trazer malefícios incalculáveis tanto para o corpo físico, quanto para o corpo espiritual como veremos a seguir.


DOIS MUNDOS DIFERENTES
Há um contraste delineando o ser e o não ser belo. São dois mundos diversos dos que curtem e cultuam o corpo, tornando-os atrativos e aconchegantes aos anseios e prazeres proporcionado por eles, diferindo dos que dele não o fazem como uma mostra primária em suas vidas.

Porquanto, há os que vivem para o corpo e do corpo sobrevivem. Na linguagem figurada e transliterada para o espiritual diz-se: que são os que vivem para carne e da carne sobrevivem. Estes, figuradamente segundo os fundamentos bíblicos não lograrão o êxito de tornarem-se criaturas espirituais.

CRIATURAS DIFERENTES
Como tudo na vida tem um biotipo, uma receita ou até mesmo um modelo para ser seguido. Para sermos criaturas espirituais; cidadão (ã) do céu também não o é diferente: se cultuamos o corpo, perdemos o Espírito; se cultuarmos o Espírito, negamos o corpo, pois não há como aderir a um e a outro como vemos em Romanos 12:1-2.


"ROGO-VOS, pois, irmãos, pela compaixão de Deus, que apresenteis os vossos corpos em sacrifício vivo, santo e agradável a Deus, que "É O VOSSO CULTO RACIONAL". E não sede conformados com este mundo, mas sede transformados pela renovação do vosso entendimento, para que experimenteis qual seja a boa, agradável, e perfeita vontade de Deus".

A palavra divina disse-nos que SERIAM TRABALHOSOS E DIFÍCEIS OS ÚLTIMOS DIAS porque haveria homens AMANTES DE SI MESMOS (II Timóteo 3:1-2), pois é PELA VAIDADE que nos individualizamos, amando em demasia a nós mesmos, querendo ser o que NÃO SOMOS, e com isso criamos um culto ao nosso corpo.

Os que cultuam o corpo, pela vaidade do corpo segundo a bíblia perecerão, pois não estarão na boa e perfeita vontade de Deus. Não podemos nos conformar com as atrações  que as belezas do corpo podem cooptar. Porquanto, ele deve ser deixado (coberto) como sacrifício vivo, santo e agradável a Deus para sejamos partícipes do seu reino.

Certamente pelos olhos na mostragem dos atrativos da carne vem a concupiscência dos olhos, e com ela a iniquidade. Porque, uma coisa leva a outra.

"Porque tudo o que há no mundo, a concupiscência da carne, a concupiscência dos olhos e a soberba da vida (vaidade), não é do Pai, mas do mundo."  (I João 2 : 16) 

Que neste pequeno post possamos dar crédito a palavra divina e com isso resgatarmos muitas queridas e preciosas almas para o Senhor Jesus Cristo. 

sábado, 27 de outubro de 2012

A BUSCA PELA VERDADE

A eterna busca pela verdade ecoa nos arraiais do tempo sem que haja uma firmeza na resposta. Querer inteirar-se condignamente da onde reside a verdade é uma pergunta que desliza no mundo virtual e vem aportar no Google.

Quem vislumbra os acontecimentos comparativamente, vê que as coisas não estão nos seus verdadeiros eixos, e que tudo de anormal  versa e tergiversa como se normal fosse. Os valores perderam os seus efeitos e, o inverso controla e arrebata multidões. O caos é uma questão de tempo.

Neste ínterim, aqueles que um dia ouviram em algum lugar alguém predizer estes nefastos acontecimentos e que naqueles dias o consideraram utópicos ou até mesmo frutos de imaginações de pessoas a beira da loucura, hoje à duras penas tem que admitirem que aqueles loucos tinham uma profética razão.

O Escriturado Bíblico previu com absoluta precisão cada anormalidade há seu tempo, e até os identificou com a sua origem, bem como o seu fim. Nada ficou encoberto a quem se dispusesse a dar a devida atenção aos arautos do apocalipse (coisas que hão de vir) com a sua mensagem de alerta.

As mensagens até eram bem simples: Pregava-se a alto e bom som que só o Senhor Jesus Cristo de Nazaré era e, "O" é o caminho, a verdade e a vida, e que ninguém vinha (vem) ao Pai a não ser por Ele (João 14:6). Se ELE é o caminho os demais são os descaminhos; se ELE é a verdade, os demais são a mentira; se ELE é a vida, os demais são a morte. As coisas não teem meios termos; ou são ou não são.

No entanto, a própria bíblia confere que as pessoas em vez de procurarem o criador que é bem dito, eternamente amém, procuraram a criatura (Romanos 1:23) e sobre os seus pés jogaram a sua fé. A operação do erro conforme versa no Santo Livro curou milhares de vidas, mas porém, ás condenou a morte eterna sem Cristo, porquanto, deixaram o caminho da verdade e aventuram-se na mentira, caso não venham a arrependerem-se desta infeliz escolha.

De outra forma, a multiplicidade de ofertas de novos caminhos borbulhou pelo mundo afora, segundo o gosto de cada procurante; mas, na verdade eram só opções de ocasião que mantinham a porta larga em vez do caminho estreito que é o que verdadeiramente nos leva para a vida eterna com Cristo Jesus.

Mas, como a própria Bíblia Sagrada nos diz que: Quem dará crédito a nossa pregação? (Isaías 53) - Porquanto, o caminho para a vida eterna não passa pela falsa liberdade que o mundo nos dá; porque todo aquele que faz-se amigo do mundo, obrigatoriamente já é inimigo de Deus (I João 2:15).

 Mas, ainda há uma esperança: Venha sem restrições para o Senhor Jesus Cristo, que é verdadeiramente o autor e consumador de nossa fé e serás salvo tu e a tua casa.

Qual é a sua escolha?

Assim me veio, assim o escrevi. Que o Senhor os abençoe e guarde.

  

quinta-feira, 25 de outubro de 2012

O POVO CRISTÃO COMEÇA A SE DAR CONTA DO EFEITO SUBLIMINAR DAS NOVELAS E BOICOTA A GLOBO COM O SALVE JORGE

Pregações subliminares através de filmes, novelas e afins induzem o povo inconscientemente a utilizar (comprar, pois tudo tem um preço determinado) o seu produto. A indução subliminar via mídia, elege políticos  lança artistas, dirige países e destitui presidentes. Está no tempo do povo de Deus se conscientizar dos malefícios inescrupulosos de quem manipula ao áudio/vídeo para atender os seus  anseios.

Evangélicos de todo o Brasil estão realizando uma campanha contra a próxima novela das nove, “Salve Jorge” pela mídias sociais. Segundo os cristãos, a expressão que dá nome à obra de dramaturgia se refere a uma entidade espírita.

Além de ser cultuado pela igreja católica, “São Jorge” é um símbolo muito presente na cultura religiosa sincrética brasileira, que também o cultua na Umbanda. No segmento religioso, o santo recebe o nome da entidade espiritual ogum.

O post incentivando o boicote está circulando pelo Facebook e já ultrapassou 2 mil compartilhamentos. O cartaz criado enfatiza que a fé em Jesus é incompatível com a novela, mas ressalta que os cristãos amam os espíritas mas não aceitam que as mensagens contidas na novelas adentrem seus lares.

O Resto da reportagem está no link abaixo o qual pertence este post:

quarta-feira, 24 de outubro de 2012

ELOS PARTIDOS

OS MISTÉRIOS que anelam as uniões humanas transpassam o entendimento físico, e adentram a profundidade das riquezas espirituais só reveladas aos que abrirem as suas almas para recebe-las.  As coisas vão muito além do jardim, da igreja e do altar.

PORQUANTO, não se dá o devido crédito, ás divisões, rupturas ou separações, que são anomalias  indesejadas tão corriqueiras nos dias de hoje, e com isso não se dá a devida importância as suas inegáveis consequências.  Mas qual seria então o interesse de escrever sobre tal assunto se ele NÃO CHAMA MAIS A ATENÇÃO?

Pensando nestas desolações é que este post foi inspirado e escrito com o  propósito de levar o amado leitor a refletir sobre ás consequências morais, seculares e religiosas de um elo partido no seio da família, onde irá gerar provavelmente para toda a vida, problemas e traumas para filhos, amigos e irmãos no meio religioso. 

CONSTATAÇÕES:
O CASAMENTO, a instituição familiar, a mais antiga da terra, está em decadência. Os seus valores, símbolos, figuras e princípios, nesta geração "ESTÃO" ou "SÃO" praticamente desconhecidos.

Todas as coisas "NÃO" nascem sem um propósito definido, porém, todas tem as suas funções às quais "SÓ" surtirão efeito "SE" bem ajustadas aos seus fins.

O casamento é "MUITO MAIS" do que um simples ritual estabelecido entre famílias,  testemunhas, padrinhos e convidados. Ele excede ao ato visual e adentra no âmbito espiritual, pois transformar-se-ão em uma só pessoa; isto é: pertencerão um ao outro. Porquanto, o processo de uma escolha entre futuros pares tem de ser criterioso (civil, religioso).

As consequências de uma escolha por mera paixão, ocasião, indicação, obrigação e condição financeira, o será no futuro um obstáculo sem precedentes para que esta união seja estável, pacifica, amorosa e "eterna".

Os precedentes do casamento na historiologia humana homologam que: se não tiver amor, conhecimento, direção divina e propósito, este o será um erro, com consequências drásticas para filhos, familiares e instituições as quais pertencem.

ADVERTÊNCIA: Fica bem claro no que escreveremos daqui para frente tem ás suas exceções como em todo o processo dissertativo; não sendo tudo como se fosse terra arrasada.

HOJE, O CASAMENTO, é uma instituição nos rumos do descrédito; uma instituição que está em decadência; uma instituição que em muitos casos só vive de aparências.

Uma das causas desta triste história efetua-se pela oferta que sobeja de ambos os lados, superando até mesmo a procura. O ficar para ver se vai dar certo é tão bom enquanto dure. Não há em partes um compromisso velado de pureza no resguardo para o  presente ou ao futuro esposo (a), pois, perdeu-se o encantamento na nostalgia do passado.

HOJE, ainda para ajudar muito mais em seu desmonte, há ataques massivo ao casamento e a sua constituição familiar por ATIVISMOS CONTRÁRIOS às "suas origens", MAS QUERENDO SE BENEFICIAR DELAS ILICITAMENTE conforme a instituição divina, onde sobejam na mídia, governos e afins. A sua desmoralização atinge a patamares nunca dantes atingidos.

CONCEITO CASAMENTO (Wikipédia)
Casamento é O VÍNCULO (elo) estabelecido entre duas pessoas, mediante o reconhecimento governamental, religioso ou social e que pressupõe uma relação interpessoal de intimidade, cuja representação arquetípica é a coabitação, embora possa ser visto por muitos como um contrato.[1] Na legislação portuguesa, o casamento é, efectivamente, definido como um contrato.

MATRIMÔNIO (Wikipédia)
A palavra matrimônio, ainda que seja compreendida como sinônimo de casamento, É REFERENTE EXCLUSIVAMENTE À UNIÃO ENTRE UM HOMEM E UMA MULHER, uma vez que deriva de mater, matris (mãe) no latim clássico.
Na maior parte das sociedades, SÓ É RECONHECIDO O CASAMENTO ENTRE UM HOMEM E UMA MULHER.

ETIMOLOGIA (Wikipédia)
A palavra CASAMENTO é derivada de "casa", enquanto que MATRIMONIO tem origem no radical mater ("MÃE") seguindo o mesmo modelo lexical de "patrimônio".[2] Também pode ser do latim medieval casamentu: ATO SOLENE DE UNIÃO ENTRE DUAS PESSOAS DE SEXO DIFERENTE, capazes e habilitadas, com legitimação religiosa e/ou civil.

CASAMENTO CRISTÃO (Bíblia Sagrada)

GÊNESIS 2 (os princípios, as origens)
Ás origens do casamento remonta ao Jardim do Éden, onde vendo Deus que não bom que o homem ficasse só, lhe fez UMA ajudadora.

Todos os animais os quais Deus fizera tinha o seu par e com isso também a sua multiplicação; porquanto, se o homem ficasse só ele não teria posteridade e, era necessário que também na raça humana houvesse a também a sua multiplicação. Portanto, o acasalar (formar casal, casamento) para procriar formando uma família e com isso a garantia de posteridade foi o objetivo divino assim como o fizera com os animais.

Filiação "É" (do verbo ser) originada VERDADEIRAMENTE de uma concepção heterogenia constituída por mãe e pai, diferindo do pai/mãe ou mãe/pai. Conquanto, um filho (a) na  formação de sua personalidade carece de princípios héteros, PORQUE, SENÃO A HUMANIDADE ESTARIA SUJEITA A SUA EXTINÇÃO POR FALTA DE PROCRIAÇÃO.

O que difere da heterogenia "NÃO É CASAMENTO" SEGUNDO OS PRINCÍPIOS DIVINOS e a  sua loggia. Uma união de igualdades até pode ser nominado com uma outra associação, MENOS COMO CASAMENTO.

A HISTORIOLOGIA DA UNIÃO HOMEM MULHER
18  E disse o SENHOR Deus: Não é bom que o homem esteja só; far-lhe-ei uma ajudadora idônea para ele.
19  Havendo, pois, o SENHOR Deus formado da terra todo o animal do campo, e toda a ave dos céus, os trouxe a Adão, para este ver como lhes chamaria; e tudo o que Adão chamou a toda a alma vivente, isso foi o seu nome.
20  E Adão pôs os nomes a todo o gado, e às aves dos céus, e a todo o animal do campo; mas para o homem não se achava ajudadora idônea.
21  Então o SENHOR Deus fez cair um sono pesado sobre Adão, e este adormeceu; e tomou uma das suas costelas, e cerrou a carne em seu lugar;
22  E da costela que o SENHOR Deus tomou do homem, formou uma mulher, e trouxe-a a Adão.
23  E disse Adão: Esta é agora osso dos meus ossos, e carne da minha carne; esta será chamada mulher, porquanto do homem foi tomada.
24  Portanto deixará o homem o seu pai e a sua mãe, e apegar-se-á à sua mulher, e serão ambos uma carne.

RESPOSTA BÍBLICA DO SENHOR JESUS CRISTO SOBRE DIVÓRCIO
Casar e separar é tão normal nos dias de hoje que até pode-se associar-se a uma reles troca de residência ao bel prazer dos seus ocupantes. No entanto, pela razão divina nos seus enunciados já começamos a ver no contexto a seguir que os SEUS MISTÉRIOS já naqueles dias ultrapassavam o costumas:

MATEUS 19:1  E ACONTECEU que, concluindo Jesus estes discursos, saiu da Galiléia, e dirigiu-se aos confins da Judéia, além do Jordão;
2  E seguiram-no grandes multidões, e curou-as ali.
3  Então chegaram ao pé dele os fariseus, tentando-o, e dizendo-lhe: É lícito ao homem repudiar sua mulher por qualquer motivo?
4  Ele, porém, respondendo, disse-lhes: Não tendes lido que aquele que os fez no princípio MACHO e FÊMEA os fez,
5  E disse: Portanto, deixará O HOMEM pai e mãe, e se UNIRÁ a sua MULHER, e serão dois numa só carne?

6  Assim não são mais dois, mas uma só carne. Portanto, o que Deus ajuntou não o separe o homem.

A firme resposta Cristocêntrica no contexto acima, encerra a questão  drasticamente como se não houvesse outra alternativa viável para tal evento, a não ser aquela proferida naquele momento. No entanto, uma eloquente pergunta ecoa em nossas mentes e reverbera em nosso espírito, no porque do SE NÃO DÁ MAIS CERTO independente da sua razão, do PORQUE CONTINUAR AINDA JUNTOS?

A RESPOSTA que irá sanar de uma vez por todas ás nossas dúvidas DESTE MISTÉRIO é nos dada pelo próprio Escriturado bíblico assim descrito pelo Apóstolo Paulo aos Efésios 5:21-33 onde é feito uma analogia comparativa entre Cristo e a Igreja e o marido e a sua esposa assim culminado:


31  Por isso deixará o homem seu pai e sua mãe, e se unirá a sua mulher; e serão dois numa carne.
32  GRANDE É ESTE MISTÉRIO; digo-o, porém, a respeito de Cristo e da igreja.
33  ASSIM TAMBÉM VÓS, cada um em particular, ame a sua própria mulher como a si mesmo, e a mulher reverencie o marido.

CONCLUSÃO
As pré- rogativas evidenciam de Gênesis a Efésios, concluindo em Apocalipse que não se pode tirar e nem acrescentar nada ao professado no Santo Livro, conclui-se sem sombra de dúvidas que o plano divino quando ao casamento ser UMA SEMELHANÇA, uma figura (uma sombra) da UNIÃO INDISSOLÚVEL do Senhor Jesus Cristo com a sua noiva (igreja), como veremos abaixo:

EM GÊNESIS 2:24  Portanto deixará o homem o seu pai e a sua mãe, e apegar-se-á à sua mulher, e serão ambos uma carne.

EM MATEUS 19:5  E disse: Portanto, deixará O HOMEM pai e mãe, e se UNIRÁ a sua MULHER, e serão dois numa só carne?
6  Assim não são mais doismas uma só carnePortanto, o que Deus ajuntou não o separe o homem.

EM EFÉSIOS 5:31  Por isso deixará o homem seu pai e sua mãe, e se unirá a sua mulher; e serão dois numa carne.

ASSIM COMO  GRANDE É ESTE MISTÉRIO; de Cristo e a sua Igreja (noiva, esposa); ASSIM TAMBÉM VÓS, amem ás suas PRÓPRIAS ESPOSAS como a si mesmos.

Porquanto, "SE" o Senhor Jesus Cristo amando a sua esposa (igreja) NÃO PODE DIVORCIAR-SE DELA; da mesma forma nós não deveríamos nos divorciarmos das nossas esposas.

Ora, bem sabemos que o adultério no que tange ao Senhor Jesus e a Igreja adulterada, como também o adultério entre marido e mulher NÃO É TOLERADO POR DEUS, muito embora dependendo das circunstâncias no arrependimento pode-se ventilar a hipótese de perdão.

Outrossim, como podemos ver, em hipótese alguma a poligamia é nos é permitida. Tudo o que exceder aos mandamentos, preceitos e juízos nos implicará a condenações plenamente fundamentadas.

Que Deus nos ajude a entender um pouco mais as coisas que são de Deus.

sexta-feira, 19 de outubro de 2012

AS BASES DO SEGUNDO TEMPLO E A GLÓRIA DELE

Convidamos os amados amigos, irmãos e ouvintes a sintonizarem a Rádio Sentinela do Alegrete 104,9 FM, das 14:00 às 15:30 Hs; no Programa "É HORA DE DESPERTAR".

Neste sábado deu-nos o Senhor uma palavra para o seu amado povo independente da placa denominacional.

No primeiro quadro a palavra estará a cargo do irmão Luis Oliveira; no segundo a palavra estará com a irmã Claudia da Prado/Piola.

No terceiro quadro a palavra pertence a equipe de evangelismo jovem com o irmão Lucas Becker e convidados.


Desde já agradecemos a todos vós a audiência, desejando-lhes as mais ricas bençãos do Senhor Jesus Cristo.

domingo, 14 de outubro de 2012

SERÁ QUE ÀS MUITAS LETRAS NOS FAZEM DELIRAR?



"A ACUSAÇÃO DO GOVERNADOR  ROMANO FESTO AO APÓSTOLO PAULO"

"E, dizendo ele isto em sua defesa, disse Festo em alta voz: Estás louco, Paulo; as muitas letras te fazem delirar."  (Atos 26 : 24)

Os que amam as Sagradas Escrituras e a sua mensagem da cruz, são chamados de loucos, porque, a palavra da cruz é loucura para aqueles que perecem (I Coríntios 1:18).

Comumente vemos desventurados comentários atacando inconsequentemente o estudo teológico como se ele fosse uma louca heresia contaminando o Evangelho de nosso Senhor Jesus Cristo. Então, quais seriam os seus conceitos para que nunca mais se fale algo indevido sobre ela?

CONCEITO WIKIPEDIA
Teologia (do grego θεóς, transl. theos = "divindade" + λóγος, logos = "palavra", por extensão, "estudo, análise, consideração, questionamento sobre alguma coisa ou algo"), no sentido literal, é o estudo sobre a divindade.

Teologia cristã pode ser definida como as verdades fundamentais da Bíblia e de outras fontes reconhecidas como divinamente inspiradas apresentadas de forma sistemática; ou ainda, a filosofia que trata do nosso conhecimento de Deus e do relacionamento do Deus Altíssimo com o homem, compreendendo assim tudo quanto se relaciona a Deus, a Bíblia e os propósitos divinos.

Encontra-se expressa, basicamente, em quatro grandes seções: teologia sistemática, teologia bíblica/teologia exegética, teologia prática e teologia histórica. Os teólogos cristãos usam da exegese bíblica, a análise racional e argumentos para entender, explicar, testar, criticar e defender o Cristianismo.

A teologia também pode ser utilizada para atestar a veracidade do cristianismo, fazer comparações entre ela e outras tradições ou religiões, defender de críticos, corroborar qualquer reforma cristã, propagar o cristianismo, ou uma variedade de outras razões. A teologia cristã foi de grande influência na Europa ocidental, especialmente na Europa pré-moderna.


QUESTIONAMENTOS
Será que o: Antes crescei na graça e no conhecimento (I Pedro 3:18) é uma mera colocação de ocasião no Escriturado Bíblico? - Que.os ditos pelo Senhor Jesus Cristo de no: Examinais as Escrituras se julgais ter nelas a vida eterna, porque são elas que de mim testificam (João 5:39); que: Errais por não conheceis às Escrituras e nem o poder de Deus (Mateus 22:29); e por fim desta colocação no dito pelo Senhor na boca do profeta Oséías (4:6): O meu povo foi destruído porque lhe faltou conhecimento, SÃO SÓ FIGURAS TEXTUAIS E SEM CONTEXTO BÍBLICO?


Até já ouvimos comentários afirmativos que a letra mata, mas o Espírito vivifica, como se fosse a letra o estudo teológico e não a letra da lei.

O verdadeiro significado do que seria teologia para muitos soa como uma palavra que deve ser pronunciada entre os dentes como se fosse uma maldição e não uma benção. Mal sabem estes infortunados comentaristas que o verdadeiro estudo teológico é para formar discípulos e discípulas conhecedores e atuantes nas coisas que são de Deus; que é para que se tenha o temor e a reverencia como princípio e fim da sabedoria a Aquele que vive e reina para todo o sempre; que é para que se conheça aquilo que vem do homem (ideologia, heresia) diferindo das coisas que são de Deus (teologia).

FALSOS DOUTORES
Certo está que há falsos doutores (FALSOS teólogos) buscando o lhe é próprio, dissolvendo a verdade em mentira, e não firmados na verdade das coisas que são de Deus. No entanto Deus os julgará.
  

SERÁ QUE NÓS SABERÍAMOS TANTAS COISAS EM TÃO POUCO TEMPO SEM O ESTUDO TEOLÓGICO:

-Que O EVANGELHO não é usado para julgar o próximo e sim amá-los como a nós, e que com isso JAMAIS DEVEMOS USAR OS PÚLPITOS ou outros lugares para falar mal deles?
-Que sem A PAZ COM TODOS, e sem SANTIDADE jamais veremos a Deus?
-Que o AMOR é a mola mestra que impulsiona e divulga o evangelho?
-Que há UM CÓDIGO DE POSTURA entre o ofertante no altar (pregador) e a noiva do cordeiro?
-Que NÃO SE DEVE TIRAR e NEM ACRESCENTAR NADA às Sagradas Escrituras?
-Que NÃO VIVEMOS MAIS NÓS, mas, que é Cristo é o que vive em nós?
-Que temos que OLHAR SÓ PARA JESUS que é o autor e consumador de nossa fé?
-Que temos que CRESCER em ambos os sentidos, tanto na GRAÇA quanto no CONHECIMENTO?
-Que a VONTADE DIVINA é para ser OBEDECIDA tanto na terra como nos céus.
-Que a PALAVRA DIVINA é a nossa única regra de fé e prática?
-Que (...?).

PARA QUE NÃO É O ESTUDO TEOLÓGICO?
O estudo teológico não é direcionado para uma determinada placa de religião, mas na inteireza dos seus enunciados para todas as religiões que professam o nome do Senhor Jesus Cristo; que não é só para agradar a mim com meias verdades; que não é para mim me ensoberbecer contra o próximo; (...)

PARA QUE SERVE O ESTUDO TEOLÓGICO?
Para que possa crescer no conhecimento do Senhor e com isso crescer mais ainda em graça ao Senhor; para que possa levar o evangelho como ele é a toda a criatura; para aprender a guardar todas as coisas que Ele nos tem ensinado; para ganhar almas para o seu reino; e como agrupando todas as coisas no dito pelo Apóstolo São Paulo em II Timóteo 3:16-17 dizendo que:

"Toda a Escritura é divinamente inspirada, e proveitosa para ensinar, para redargüir, para corrigir, para instruir em justiça; Para que o homem de Deus seja perfeito, e perfeitamente instruído para toda a boa obra".

E QUEM NÃO TEM O ESTUDO DO CONHECIMENTO (TEOLOGIA) E SÓ A GRAÇA?
Conhecemos pessoas que não possuem o estudo teológico, e até que aprenderam a ler na Bíblia Sagrada, pois o seu grau de estudo não alcança a matricula para, mas, que estas pessoas são uma benção nas mãos do Senhor, pois é Ele o que capacita a todos nós. Porquanto, são pessoas humildes, já providas da graça do Senhor, e para eles lhe é revelada a Sua palavra no conhecimento, como também aos que estudam teologia nas suas verdades.

Outrossim, são pessoas que não julgam; não entram em contenda e nem dissolvem a palavra divina, mas são cheios da graça do Senhor, que dá gosto ouvi-los pregando na sua simplicidade, cheios do poder e da unção divina como o evangelho do Senhor Jesus Cristo o é.

Quanto aos outros, Deus é quem os julgará!



Comente, deixe a sua opinião embasada.

sexta-feira, 12 de outubro de 2012

JESUS CRISTO> "HAVERÁ FÉ NA TERRA NOS DIAS DO FIM?"

Montanha abaixo desce velozmente um trem desgovernado. Os seus passageiros na sua maioria nos vagões de brilho, festejam a vida inconscientes do que lhes espera naquele destino. Eles casam-se e dão-se em casamento; comem e bebem aproveitando a vida na sua essência. No entanto, apesar dos gritos de alerta; dos sinais vermelhos, esta composição não os dá crédito, e ultrapassa os limites solenemente rumo ao abismo.

Em inúmeros posts temos escrito dramaticamente, buscando nestes interagir benevolamente na busca incessante de resgatar almas para o Senhor Jesus Cristo; mas, QUEM ESTÁ DANDO CRÉDITO A NOSSA PREGAÇÃO? - Muito poucos.

Em outra composição, nos mesmos trilhos, montanha abaixo, porque o mundo jaz no maligno, corre um humilde trem com uma minoria crédula nos desígnios divinos; no entanto, pouco antes do abismo esta composição será resgatada do seu nefasto fim, e em glória a será coroada.

Dias virão em que há de se cumprir no seu tempo o professado bíblico. O que já se cumpriu prefacia, e é um anteposto legitimando as coisas Escrituradas que ainda hão de vir.

Arautos do Santo Livro permeiam o mundo a anunciar que os sinais são visíveis a olho nú; que até os mais incrédulos reconhecem que os tempos nos seus acontecimentos deixam no ar os prenúncios do fim (vide o relógio da ciência indicando os últimos minutos para o fim dos tempos):


Neste prisma já estabelecido mundialmente é que iremos discorrer sobre um questionamento do Senhor Jesus em São Lucas 18:8b, quase que imperceptível a quem o lê despretensiosamente  A enfase descrita no contexto é a insistência da mulher que pede justiça pela sua causa a um destemido juiz. Conquanto, ao final da parábola é que o tema proposto irá se desenrolar como veremos no texto proferido pelo Senhor Jesus Cristo abaixo:

"Quando porém vier o Filho do homem, porventura achará fé na terra?"  (Lucas 18 : 8b)

Ante vendo os dias do fim, o Senhor Jesus Cristo profere aos quatro ventos uma pergunta eloquente se não a fosse trágica: "Será que no dia da Sua vinda Ele encontraria alguém que tivesse ainda fé?"

Acreditamos que o Senhor Jesus Cristo quanto pronunciou esta questão de Lucas 18:8b, estava inconsolado; com os olhos perdidos no horizonte e marejados de lágrimas. O seu sacrifício teria sido em vão; pois, pela sua onisciência podia contemplar o futuro, e o vendo, por certo chorou.

Isto nos faz lembrar a mesma dor que ELE teve quando do alto do monte contemplava Jerusalém e antevia o seu ocaso:

LUCAS 19:41  E, quando ia chegando, vendo a cidade, chorou sobre ela,
42  Dizendo: Ah! se tu conhecesses também, ao menos neste teu dia, o que à tua paz pertence! Mas agora isto está encoberto aos teus olhos.
43  Porque dias virão sobre ti, em que os teus inimigos te cercarão de trincheiras, e te sitiarão, e te estreitarão de todos os lados;
44  E te derrubarão, a ti e aos teus filhos que dentro de ti estiverem, e não deixarão em ti pedra sobre pedra, pois que não conheceste o tempo da tua visitação.


POR CERTO, muitos são os chamados, mas poucos os escolhidos como ELE bem o diz em Mateus 20:16 e 22:14. Muito embora sejam tantos os chamados, e o mundo de hoje bem nos mostra isso com tantas pessoas professando o nome DELE, no entanto, POUCOS ESTÃO DANDO CRÉDITO A SUA PREGAÇÃO (Isaías 53); porque, não o seguem na inteireza da SUA PALAVRA.

Para ilustrar o acima exposto, ELE evidencia que:  "A SEARA É GRANDE E OS CEIFEIROS SÃO POUCOS":

"E dizia-lhes: Grande é, em verdade, a seara, mas os obreiros são poucos; rogai, pois, ao Senhor da seara que envie obreiros para a sua seara."  (Lucas 10 : 2)

Ás suas palavras assim ditas seriam contrárias se fossemos olhar os dias de hoje; porque, nunca se viu tantos ceifeiros (obreiros), porém, poucos nos moldes do pré-dito em Mateus 28 que era para ensinar "TODAS ÁS COISAS QUE ELE LHES TINHA ENSINADO".


UM TREM DESGOVERNADO é o mundo que corre solicito, sem freios para o seu derradeiro fim e não há quem o pare. É uma tarefa hercúlea pará-lo, Porque, os valores morais cristãos estão quase no seu todo para uma grande maioria já perdidos. As veredas antigas ficaram na antiguidade (Isaías 43:7-14; Jeremias 6:18; 18:15, ...). Um povo zeloso (II Coríntios 11:2; Tito 2:14; ...) e de boas obras ordenados para diferir do mundo, não se difere mais. A igreja imaculada e santa que foi feita para entrar no mundo, é o mundo que está entrando dentro da igreja.

A essência e o teor do Escriturado Divino está sendo dissolvido (Efésios 4:19; Tito 1:6), está sendo amenizado para agregar adeptos; os valores materiais assumiram a prioridade e os espirituais (Lucas 12:31) estão entrando na clandestinidade.

O ser cristão hoje virou artigo de moda; dá status e a vaidade permeia o seu meio em vez da humildade. A individualidade competitiva transforma o ente cristão em amante de si mesmo (II Timóteo 3:2), enquanto a a coletividade no bem de todos passa longe do repartir o pão.

Está na hora de pararmos para meditar e com isso revermos os conceitos que até então estamos vivendo. Certo é que nem todos são partícipes do quadro acima porque sempre tem sete mil que não se contamina.


Que nós possamos dar crédito aos arautos do Santo Livro, e com isso resgatar a muitos daquilo que lhes é reservado se não se aterem ao clamor e aos brados de alerta.



quinta-feira, 11 de outubro de 2012

A GUERRA CONTINUA: VÍDEO DO ATIVISMO GAY É A POLÊMICA DESTA VEZ ENTRE O PR MARCOS FELICIANO E DEP. JEAN WYLLYS

Existe uma guerra que excede as tribunas, púlpitos e redes sociais. Gladiadores  digladiam-se ferozmente defendendo as suas causas. Por um lado o Deputado Federal e Pastor Marcos Feliciano (e outros) arvoram a bandeira da integridade bíblica na defesa da família e por outro o também Deputado Federal e ativista gay Jean Wyllys (e outros e outras) lhe opõe acintosamente.

A mesma introdução referente ao artigo anterior disposto no link abaixo
http://luisdornelesdeoliveira.blogspot.com.br/2012/09/pr-marcos-feliciano-e-atacado.html

A guerra continua; desta vez é um vídeo disposto no Youtube a polêmica da vez. As partes munem-se de razões e contra-atacam com subsídios verbais que só vendo para tirar uma conclusão.

As coisas estão saindo do controle do bom senso e entrando no campo da violência em que todos irão perder.


terça-feira, 9 de outubro de 2012

SANGUE, SUOR E LÁGRIMAS


Algo nascera naqueles dias o qual transformava as pessoas, convertia vidas, libertava, curava e batizava com o Espírito Santo. A semente do evangelho crescia desmedidamente e sem o controle do mesmismo. O impacto estava sendo letal ao ritualismo; ao Conselho dos Anciãos (Sinédrio); ao farisaísmo; ao saduceísmo e às demais seitas judaicas que estavam em alvoroço, pois a sua hegemonia e influência estavam desmoronando.

O povo estava ficando refém desta nova semente que espraiava-se como o vento no deserto. No templo, Sinagogas, praças e as demais pontos de encontro, o tema era só um: "Jesus Cristo, o filho de José havia ressuscitado, andado com os seus discípulos e subido aos céus. O seu evangelho, agora como nunca estava fora do controle daqueles que queriam silenciá-lo".

Era preciso ter coragem não só para viver o evangelho, mas também para divulgá-lo. A vida era o que menos importava, pois o viver era pra Cristo e o morrer era ganho. Não negá-lo era uma condição plena de fé, mesmo que isso lhe custasse a vida.

Os heróis da fé neotestamentária derramaram o seu suor; ás suas lágrimas e o seu sangue para que a Semente do Evangelho chegasse aos nossos dias. A estes heróis da fé, os quais um dia veremos em celeste pátria, deixamos como exemplo o seu registro na pessoa de Estevão:


A HISTÓRIA BÍBLICA DE ESTEVÃO
7  E crescia a palavra de Deus, e em Jerusalém se multiplicava muito o número dos discípulos, e grande parte dos sacerdotes obedecia à fé.
8  E Estêvão, cheio de fé e de poder, fazia prodígios e grandes sinais entre o povo.
9  E levantaram-se alguns que eram da sinagoga chamada dos libertinos, e dos cireneus e dos alexandrinos, e dos que eram da Cilícia e da Ásia, e disputavam com Estêvão.
10  E não podiam resistir à sabedoria, e ao Espírito com que falava.

11  Então subornaram uns homens, para que dissessem: Ouvimos-lhe proferir palavras blasfemas contra Moisés e contra Deus.
12  E excitaram o povo, os anciãos e os escribas; e, investindo contra ele, o arrebataram e o levaram ao conselho.
13  E apresentaram falsas testemunhas, que diziam: Este homem não cessa de proferir palavras blasfemas contra este santo lugar e a lei;

54  E, ouvindo eles isto, enfureciam-se em seus corações, e rangiam os dentes contra ele.
55  Mas ele, estando cheio do Espírito Santo, fixando os olhos no céu, viu a glória de Deus, e Jesus, que estava à direita de Deus;
56  E disse: Eis que vejo os céus abertos, e o Filho do homem, que está em pé à mão direita de Deus.
57  Mas eles gritaram com grande voz, taparam os seus ouvidos, e arremeteram unânimes contra ele.
58  E, expulsando-o da cidade, o apedrejavam. E as testemunhas depuseram as suas capas aos pés de um jovem chamado Saulo.
59  E apedrejaram a Estêvão que em invocação dizia: Senhor Jesus, recebe o meu espírito.
60  E, pondo-se de joelhos, clamou com grande voz: Senhor, não lhes imputes este pecado. E, tendo dito isto, adormeceu.

Da semente do sangue dos heróis verteu o evangelho do Senhor Jesus Cristo:




Hoje, ás facilidades para divulgar este evangelho são muitas na grande maioria das nações da terra. No entanto, ele em partes, só o é pregado nas suas amenidadesusufruímos e materialismo. Para o que veio, para o seu fim que é o "Nascer de Novo", tanto da água como o do Espírito muito pouco é lembrado.

O sangue do Senhor Jesus Cristo e dos heróis da fé clama pela sua legitimidade; clama pelo seu esforço e pela sua equidade.

Que este sangue não tenha sido vertido em vão, mas que o seja honrado, lembrado e que o verdadeiro evangelho seja de novo pregado.

segunda-feira, 8 de outubro de 2012

O POST GRAN CAMPEÃO DE ACESSOS

O post mais acessado NO MOMENTO deste blog e que está sendo o GRAN CAMPEÃO de clicks, nos surpreende a cada dia mais. Porquanto vemos com bons olhos o grande interesse dos internautas em saber qual é o caminho, bem como a sua escolha.  

Ele vem subindo vertiginosamente nos posts mais populares. Ele nem constava dantes nos dez mais (+), Hoje já ocupa a quarta posição. Vejam no link abaixo.
http://luisdornelesdeoliveira.blogspot.com.br/2012/02/a-porta-estreita-e-o-caminho-estreito.html

sábado, 6 de outubro de 2012

BLASFÊMIA, A VERSÃO GAY DA ÚLTIMA CEIA DO SENHOR JESUS CRISTO


Quem pensa que viu tudo, satisfez-se com pouco. O record dos limites do bom senso estão sendo quebrados dia a dia. A blasfêmia e anarquia nas coisas que são de Deus pode ser exposta sem nenhum respeito. COMO POSSO EXIGIR RESPEITO DE OUTRENS SE NÃO RESPEITO NINGUÉM?  

Tenham todos "UMA PÉSSIMA LEITURA".

Peço perdão aos amados leitores pelo jogo de cena do ensejo acima; é que certamente não tem como desejar uma boa leitura para algo que não o é.

Todos os direitos reservados para o seu autor no link abaixo:
http://espaco-gospel-net.blogspot.com.br/2012/10/blasfemia-versao-gay-da-ultima-ceia.html#more

Sábado, outubro 06, 2012

Blasfemia: Versão gay da Última Ceia

"A Última Ceia", de Leonardo da Vinci na adaptação de Elisabeth Ohlson Wallin Jesus é travesti e está de vestido e salto alto. Ao redor de Jesus os discípulos viraram transsexuais, vestidos e maquiados de forma extravagante. A exposição foi aberta em Belgrado, capital da Sérvia. 


Com tanta polêmica na exposição da Última Ceia com Jesus "adaptado", aproximadamente 2 mil homens da polícia local fizeram um cordão de isolamento para garantir que manifestantes não invadissem a mostra “Ecce Homo”. Líderes nacionalistas e cristãos já pediram o cancelamento da mostra e uma multidão protestou do lado de fora ao que chamaram de “insulto” ao cristianismo.

Travestis

Criado em 1989, o trabalho da artista traz 12 fotos em que Jesus Cristo é interpretado como transexual, travesti, gay, em cenas polêmicas, como a versão de “A Santa Ceia” de Da Vinci, em que Jesus aparece de salto alto preto. Em outras, as imagens insinuam que Jesus morre por causa da Aids (ou o preconceito). Jesus aparece em uma das fotos com o triângulo rosa, marcação dos nazistas em travestis nos campos de concentração. E ainda, em outra imagem, Jesus é venerado por homens vestidos de couro. Ou aparece morto por skinheads.

Os apóstolos também são retratados como homossexuais, em imagens que reinterpretam a fé cristã de um ponto de vista inclusivo ou provocativo. A mostra abriu o mês do orgulho gay na cidade que teve a sua parada cancelada por motivos de segurança pelo segundo ano consecutivo.

patiogospel.com.br

MINI POST: ESPERANÇA, A ÚLTIMA QUE MORRE

As riquezas da sabedoria popular aos poucos está caindo no esquecimento. Aqueles provérbios antigos eram de alguma maneira um remédio caseiro para cada situação encontrada. 

Quem não pode lembrar de alguns que marcaram época nos recantos do Rio Grande?

- Quem espera sempre alcança?
- O que não é visto não é lembrado?
- O que arde é o que cura; o que aperta é o que segura?
- Quem não ajuda, não estorva?
- Só atire a primeira pedra quem nunca errou?
- Está mais por fora do que arco de barril?
- Enquanto há vida, ainda há esperança?
- (...)

A saudade da pureza; da sinceridade e da coletividade, que urge em tempos de chuva em lembranças de um passado em que os amigos eram amigos; do repartir do pão, como das boas risadas quando este sempre caia com a manteiga para baixo; dos banhos de chuva; da inocência que embalava os sonhos de uma vida pura, e que o futuro sempre nos reservaria surpresas belas e auspiciosas.

Hoje, a individualidade furtou a coletividade. O ser e o ter é mais importante do que amar.

Eu quero ainda crer que: "A esperança é a última que morre"; que "Enquanto há vida, ainda há esperança", e que "Quem espera sempre alcança"!

É tempo de resgatar memórias; de reatar amizades; de realizar sonhos e, de amar a Deus sobre todos as coisas e ao nosso próximo como a nós mesmos.

Luis Oliveira

Comente se gostou da idéia e dos textos dos mini posts:


quinta-feira, 4 de outubro de 2012

UMA FÉ PARA O MEU GOSTO

Lendo um auspicioso artigo (Shopping de Igrejas) em um blog de um amigo nosso (Cruz Vazia) em que ele discorre com maestria sobre processos de escolha de fé, e isto nos avivou a escrever algo do gênero.

http://www.blogcruzvazia.com.br/2012/10/shopping-de-igrejas.html#comment-form


Muito embora o tema seja parecido, os rumos são um tanto diferentes. Porquanto, aprouve-me também abrir um versículo bíblico sobre o qual venho há muito tempo citando em diversas mensagens as quais o Senhor me tem oportunizado. No entanto, ele nunca foi o tema principal das nossas pregações ou escritos.


OSEIAS 4:9 Por isso, como é o povo, assim será o sacerdote; e castigá-lo-ei segundo os seus caminhos, e dar-lhe-ei a recompensa das suas obras.

ASSIM COMO O POVO É, ASSIM SERÁ O SACERDOTE
A Bíblia Sagrada diz que haverá um sacerdote pronto a atender cada tipo de gosto do povo para a prática da fé. O que quer dizer que conforme a vontade do povo se abrirá uma nova porta de fé com o seu sacerdote para satisfazer aquela demanda de mercado.

A inteireza do enunciado bíblico nesta condição passa a ser então uma reles colcha de retalhos costurada em partes para atender  a cada tipo de gosto. Isto quer dizer que se estará adaptando por partes a palavra do Senhor ao gosto do povo; que um outro evangelho estará sendo disponibilizado a cada ocasião solicitada.

O CUMPRIMENTO DA PROFECIA DE OSEIAS
A inerrante palavra do Senhor cumpre há seu tempo aquilo que professa. Como bem vemos é notório o seu cumprimento pela quantia de tipos de fé disponibilizada no mundo para cada tipo de gosto. Sempre acha-se uma maneira para acomodar os desejos, anseios relativos as necessidades do ego.

O MESMO TEMA NOS DIAS DO FIM
O apóstolo Paulo em II Timóteo 4:3, prefaciando os dias do fim (abaixo) expõe a questão em uma linguagem figurada bem identificada com a condição postada por Deus em Oseias 4:9 acima.

"Porque virá tempo em que não suportarão a sã doutrina; mas, tendo comichão nos ouvidos, amontoarão para si doutores conforme as suas próprias concupiscências";

A palavra divina COMO ELA É, NA PUREZA DA SUA ESSÊNCIA NÃO SERIA SUPORTADA (sã doutrina), então, teriam comichão nos ouvidos (desejo ardente) de ouvir algo que lhes satisfizesse às suas próprias concupiscências (desejos carnais, vaidades e afins) , amontoado (inúmeros, diversos) para si doutores (ditos falsos conhecedores das Sagradas Escrituras) conforme os seus anseios, E NÃO COMO SEGUNDO O EVANGELHO DO SENHOR JESUS CRISTO.

NOS DOIS FUNDAMENTOS A MESMA CONDENAÇÃO
O castigo é o mesmo para quem altera (o sacerdote) a palavra divina para agradar o povo, tanto no Velho Testamento de Oseias 4:9, em que nos diz que:  "e castigá-lo-ei segundo os seus caminhos, e dar-lhe-ei a recompensa das suas obras", como no Novo Testamento para a mesma condição descrita abaixo:

"Porque, se alguém for pregar-vos outro Jesus que nós não temos pregado, ou se recebeis outro espírito que não recebestes, ou outro evangelho que não abraçastes, com razão o sofrereis."  (II Coríntios 11 : 4).

                                                    O DESVIO DA VERDADE É O PROBLEMA
Ensinar um outro tipo de evangelho para agradar o "fiel" nos seus indevidos desejos, vai desviar-lhe da verdade, o levando a condenação: "E desviarão os ouvidos da verdade, voltando às fábulas", (...). II Timóteo 4:4.

TODA A ALTERAÇÃO NO DITO BÍBLICO PROVOCA O DESVIO PARA UM OUTRO EVANGELHO

Em diversos lugares da BÍBLIA SAGRADA tem a mesma advertência para que não se tire e nem se coloque nada DO QUE JÁ ESTÁ ESCRITO NO SANTO LIVRO:

NA ABERTURA DAS ESCRITURAS: Não acrescentareis à palavra que vos mando, nem diminuireis dela, para que guardeis os mandamentos do SENHOR vosso Deus, que eu vos mando. Deuteronômio 4:2

NO MEIO DAS ESCRITURAS: "Nada acrescentes às suas palavras, para que não te repreenda e sejas achado mentiroso.(Provérbios 30 : 6)”.

"Eu sei que tudo quanto Deus faz durará eternamente; nada se lhe deve acrescentar, e nada se lhe deve tirar; e isto faz Deus para que haja temor diante dele. (Eclesiastes 3 : 14)”.

NO FECHAMENTO DAS ESCRITURAS: Apocalipse 22:18-21  "Porque eu testifico a todo aquele que ouvir as palavras da profecia deste livro que, se alguém lhes acrescentar alguma coisa, Deus fará vir sobre ele as pragas que estão escritas neste livro; E, se alguém tirar quaisquer palavras do livro desta profecia, Deus tirará a sua parte do livro da vida, e da cidade santa, e das coisas que estão escritas neste livro. Aquele que testifica estas coisas diz: Certamente cedo venho. Amém. Ora vem, Senhor Jesus. A graça de nosso Senhor Jesus Cristo seja com todos vós. Amém".

UM EVANGELHO ACRESCENTADO OU DIMINUÍDO É UM EVANGELHO MALDITO
O acréscimo ou até mesmo a sua diminuição provoca a sua alteração; a adulteração da palavra divina provocando a sua dissolução; tirando o seu efeito e com isso o torna maldito:

A COMPROVAÇÃO PELO APÓSTOLO PAULO AOS GÁLATAS 1:
6  Maravilho-me de que tão depressa passásseis daquele que vos chamou à graça de Cristo para outro evangelho;
7  O qual não é outro, mas há alguns que vos inquietam e querem transtornar o evangelho de Cristo.
8  Mas, ainda que nós mesmos ou um anjo do céu vos anuncie outro evangelho além do que já vos tenho anunciado, seja anátema (maldito).
9  Assim, como já vo-lo dissemos, agora de novo também vo-lo digo. Se alguém vos anunciar outro evangelho além do que já recebestes, seja anátema (maldito).
10  Porque, persuado eu agora a homens ou a Deus? ou procuro agradar a homens? Se estivesse ainda agradando aos homens, não seria servo de Cristo.
11  Mas faço-vos saber, irmãos, que o evangelho que por mim foi anunciado não é segundo os homens.
12  Porque não o recebi, nem aprendi de homem algum, mas pela revelação de Jesus Cristo.

O LIVRE ARBÍTRIO DA ESCOLHA DE QUAL EVANGELHO QUEREMOS SEGUIR
Ás palavras do Senhor Jesus Cristo não mudam, e é por isso que o seu evangelho sempre é o mesmo. Porquanto, temos o livre-arbítrio da escolha a qual evangelho queremos seguir: Se o pregado pelo Senhor Jesus ou o adulterado pelos ditos doutores segundo a nossa vontade?

DISSE O SENHOR JESUS CRISTO"Se vós estiverdes em mim, e as minhas palavras estiverem em vós, pedireis tudo o que quiserdes, e vos será feito."  (João 15 : 7).

Que nós possamos obedecer a Deus segundo a Sua vontade, para com isso sermos verdadeiramente filhos e filhas do Deus Altíssimo.